O que (mais) preciso para ser um líder?

 

O que (mais) preciso para ser um líder

Você já parou para analisar quantos líderes já surgiram na história da humanidade em diversos segmentos e âmbitos? Líderes jovens e de idade avançada, líderes benfeitores e malfeitores, líderes que tinham a autoridade como seus maiores trunfos e outros que usavam de autoritarismo, líderes que de alguma maneira influenciaram e influenciam dezenas, centenas, milhares e até milhões de pessoas. Todos eles tinham e tem características muito particulares, mas também muitas similaridades.

Se pegarmos as características de cada um deles poderemos perceber que a maneira de cada um lidar com seus liderados era completamente diferente, porém o resultado era sempre o mesmo. Como diz no livro “O Monge e o Executivo” liderar é levar as pessoas a trabalharem entusiasticamente em busca de um bem comum. E os grandes líderes da história sabiam e sabem muito bem fazer isso, eles tinham e têm o dom de conduzir pessoas em busca de um só objetivo.

E você, se considera um líder? O que o faz pensar que sim ou não? Permita-me lhe fazer algumas perguntas que certamente lhe levarão a refletir sobre sua conduta como um líder:

  1. Você gostar de tratar diretamente com pessoas?
  2. Como você lida com conflitos?
  3. Você acredita que as pessoas lhe consideram um líder ou um chefe?
  4. Você está satisfeito com seus resultados? Se não, o que você poderia fazer para melhorá-los?

 

Estas perguntas são apenas alguns espelhos colocados a sua frente para reflexão, porém há muitas outras a serem feitas. E se questionar constantemente é uma maneira sadia de se fazer um auto feedback, além do feedback que a própria equipe pode lhe dar.
bannerleadercoaching-1
Voltando aos líderes da história que menciono no inicio deste artigo, eles possuíam alguns predicados que os faziam diferenciados perante as outras pessoas. Abaixo seguem alguns que considero muito importantes:

  1. Humildade
  2. Generosidade
  3. Saber ouvir
  4. Gostar de pessoas
  5. Ter controle emocional
  6. Analisar as situações sempre de maneira racional
  7. Ser proativo
  8. Focar na solução
  9. Confiar nas pessoas
  10. Assumir responsabilidades

 

Pare para se autoanalisar, veja o que você possui das características acima citadas, procure melhorar o que não está bom e potencialize as que você já tem. Perceba que liderar é uma questão de atitude e suas atitudes é que vão definir qual é seu tipo de liderança. Pense nisso!

Sucesso a todos!
Deixe seu comentário, dessa forma posso tirar suas duvidas e saber sua opinião.

As armadilhas que podem atrapalhar a liderança

As armadilhas que podem atrapalhar a liderança
Quem nunca quis ser líder em algum âmbito da vida que atire a primeira pedra. Desde criança somos levados à tentativa (muitas vezes frustradas) de sermos líderes, de querermos comandar pessoas e grupos para de alguma maneira provar a nós mesmos que temos poder e que podemos estar à frente em qualquer situação ou contexto.

Como o tempo passa para todos, alguns “líderes” se perdem pelo caminho quando percebem que não têm jeito para comandar algo ou alguém, outros se transformam em carrascos acreditando que para liderar é necessário ser carrasco e utilizar um chicote para bater em seus liderados e ainda há aqueles que acreditam que não nasceram com o dom de liderar.

A grande verdade é que de uma maneira ou outra as pessoas que desistiram de serem líderes caíram em armadilhas que as impediram de continuar, de trilhar o belo caminho de poder fazer a diferença na vida de outras pessoas. Abaixo estabeleço 7 armadilhas chamadas também de barreiras:

  1. Confundir autoridade com autoritarismo. Muitas pessoas acreditam que para liderar é necessário exercer autoritarismo, ou seja, usar de coerção para levar o outro a algum lugar. As pessoas que pensam desta maneira aos poucos vão sendo afastadas, pois ninguém consegue interagir com alguém que seja grossa e autoritária;
  1. Falta de humildade e controle emocional. É muito comum alguém ser promovido nas empresas. Um vendedor, por exemplo, que durante alguns anos exerceu bem seu papel é promovido a gerente e a partir dai passa ter uma postura arrogante, olhando seus colegas de cima para baixo com ar de superioridade.
  1. Ser o “dono da verdade”. Algumas pessoas acreditam que ao exercer a liderança suas opiniões sempre prevalecerão sobre as dos outros, ledo engano. O líder de verdade tem humildade de reconhecer quando não está com a razão.
  1. Não saber ouvir. Uma das grandes virtudes de em líder é saber ouvir. O líder para poder levar seus liderados a um patamar desejado precisa atender as necessidades dos mesmos e para isso precisa ouvi-los.
  1. Gostar de dar feedback, mas não saber receber. O líder que é chefe acredita que ele pode dar feedback, todavia não abre o coração para receber. O resultado disso é a manutenção de uma equipe que não interage com o mesmo, pois sempre será boicotada pelo mesmo.
  1. Não confiar nas pessoas. Há pessoas que vestem uma capa de liderança, porém vestem outra da desconfiança. Eu lido muito com gestores que não confiam em seus funcionários, acham que eles estão na empresa somente para passar a perna nele. É impossível construir um relacionamento sólido baseado em desconfiança.

bannerleadercoaching-1

  1. Não gostar de multiplicar. Há pessoas que não admitem repassar o que sabem para seus subordinados, eles acham que esta atitude vai fortalecer as pessoas a ponto de quererem mandar mais que ele. Pessoas que agem desta maneira acreditam que ele é o senhor de toda a verdade e sabedoria, muito triste este comportamento.

Como eu disse no inicio, é muito comum querer exercer liderança em algum momento da vida, porém se você se perdeu no meio do caminho, faça uma reflexão sobre as armadilhas citadas acima e veja se comete ou já cometeu algum deles.

No meu artigo anterior eu enfatizo que liderança é uma habilidade, portanto as armadilhas citadas acima são nada mais nada menos que hábitos que podemos alimentar e que criam bloqueios rumo a uma liderança eficaz. Pense nisso!

Sucesso a todos!
Deixe seu comentário, dessa forma posso tirar suas duvidas e saber sua opinião.

Liderar: um dom ou uma habilidade?

um dom ou uma habilidade

Durante muitos anos tem-se levantado a questão de que liderar é um dom ou uma habilidade. Vamos fazer uma primeira análise: se liderar é um dom então poucos nascem com ele e se é uma habilidade porque então poucas pessoas a aperfeiçoam? Vamos então analisar o que significam as palavras dom e habilidade.

Segundo o dicionário Aurélio, dom significa “prenda, talento, dote natural. Em outras palavras, algo que já nasce com você, um presente de Deus. O mesmo dicionário diz que habilidade é “destreza, capacidade, aptidão. Também em outras palavras, algo que você desenvolve. Com estas duas definições, eu lhe faço uma pergunta: qual sua opinião a respeito? Liderar é um dom ou uma habilidade?

Se você respondeu habilidade você está correto, liderar requer habilidade e habilidade é algo que se aprimora e que se melhora com o tempo. Ninguém nasce líder, há pessoas que dizem que tal pessoa já nasceu um líder nato, que já lidera desde o berço. Sinto frustrar quem pensa assim, mas este pensamento é completamente equivocado. O que pode haver é uma predisposição para a liderança, porém se não for lapidado ninguém conseguirá êxito.

Vamos parar para analisar o que leva uma pessoa a ser líder para saber se realmente é dom ou habilidade:

1. Vontade. Toda pessoa que deseja ser líder precisa carregar dentro de si uma vontade para tal. Há pessoas que levam jeito para liderar, porém não carregam consigo a vontade. Portanto dificilmente serão, a menos que mudem seus conceitos.

2. Ganho de experiência. Para liderar é necessário aprender e para isso precisa-se observar, tentar, falhar, observar, tentar falhar…. Até chegar o momento de poder levar as pessoas a lugares em comum.

3. Conquista. Ser líder significa ter merecimento, conquistá-la. Vejo muitas pessoas sofrendo por não terem sucesso em suas funções como líderes, elas dizem que as pessoas não fazem o que tem que fazer porque são indisciplinadas. Será que são mesmo ou será que são mal lideradas?
bannerleadercoaching-1
4. Controle emocional. Certa vez fui a um salão de beleza cortar cabelo, lá havia uma ‘gerente’ que não tinha nenhum controle sobre suas lideradas. Ela demandava algo e ninguém fazia, mesmo ela falando mais de uma vez. Em determinado momento ela chegou perto de mim e eu disse que ela parecia cansada e mau humorada, ela me respondeu dizendo que estava mesmo, mas era cansaço mental por trabalhar com tanta gente indisciplinada e continuou dizendo que na verdade nem queria aquela função, estava lá só porque o salário era melhor. Nesta situação há uma série de equívocos, porém o que quero enfatizar é o total descontrole desta pessoa emocionalmente falando. Como liderar um grupo desta maneira?

5. Amor pelo que faz. Parece óbvio dizer que pessoas bem sucedidas amam o que fazem independente do retorno financeiro ou de outra coisa. Para liderar é fundamental ter as seguintes características: gostar de pessoas, ser proativo, ser paciente e principalmente confiar no outro. E quem mais poderia fazer isso com maestria do que uma pessoa que ama o que faz?

Se você ainda acha que liderar é um dom, então me diga qual destes itens acima vem com o ser humano ao nascer? Definitivamente nenhum! Todos eles precisam ser lapidados para que aconteçam.
Portanto amigo, se você pretende se tornar um líder saiba que é perfeitamente possível, é só querer e aperfeiçoar. Pense nisso!

Sucesso a todos!
Deixe seu comentário, dessa forma posso tirar suas duvidas e saber sua opinião.

Liderança de alto impacto

Liderança de alto impacto Amandio Junior    Você já deve ter ouvido falar de liderança de alto impacto, porém você sabe o que este realmente significa?  É muito comum vermos pessoas declarando que são líderes em suas empresas, mas será que praticam mesmo a liderança?  Dizer que é líder é muito fácil, este é um rótulo que muitas pessoas adoram se colocar até por questões de status, todavia tenho algumas perguntas a fazer para refletir sobre a correta utilização do termo e sua prática:

  • Como você lida com os conflitos dentro da empresa?
  • Você é um líder que soluciona problemas?
  • As pessoas lhe respeitam ou têm medo de você?
  • Você sabe para onde está levando sua equipe?
  • O que lhe leva a crer que é um líder?
  • Você tem metas claras para você,  sua equipe e sua empresa?

Naturalmente há outras perguntas que eu poderia ter feito, porém as que eu fiz eu tenho certeza que irão instalar uma semente de reflexão em você.  Liderar é servir o outro e para servir é necessário que você tenha habilidades que levarão o outro a atravessar paredes por você.

Segundo o livro “O Monge e o Executivo” de James C. Hunter, liderança é “a habilidade de influenciar pessoas para trabalharem entusiasticamente visando atingir aos objetivos identificados como sendo para o bem comum”. Você que se considera um líder,  tem esta habilidade?  As pessoas lhe seguem porque você é um exemplo para elas ou porque são subordinadas a você e consequentemente obrigadas a lhe obedecer?

Servir em alto impacto precisa-se de 5 passos fundamentais.  No livro citado acima o autor escreve que o maior líder que já existiu foi Jesus Cristo,  simplesmente porque ele seguia os 5 passos abaixo:

  1. Ter vontade de ajudar o outro.  A primeira etapa em direção à liderança é querer ajudar, porém de alma e coração limpos;
  2. Amor ao próximo.  O segundo passo diz que amar o próximo é fundamental para podermos servir o outro, mas este passo só faz sentido se houver vontade;
  3. Servir e se sacrificar. O terceiro passo é servir na própria essência da palavra, estar disposto a mover montanhas em prol de um objetivo que seja comum ao do outro;
  4. Impor autoridade. Muita gente confunde autoridade com autoritarismo e são palavras totalmente diferentes. Autoritarismo é usar a força como arma para conseguir o que se deseja ao passo que autoridade é você obter resultados através de exemplos, diálogos e paciência;
  5. A tão sonhada liderança. A quinta e última etapa é o topo da pirâmide, o auge de tudo, o ápice de qualquer profissão que tenha pessoas abaixo.

banner-do-site amandio junior ebook construindo resultados

   Além do que está escrito acima, a liderança de alto impacto exige muito autoconhecimento, persistência e principalmente confiança no outro. Nenhum passo acima será bem sucedido se não houver confiança em ambas as partes.

Como você pode perceber, qualquer pessoa pode exercer liderança e de maneira eficaz, o que deve ser feito primeiramente é olhar para dentro de você e filtrar o que você tem de bom e o que precisa melhorar, o restante experimente seguir as dicas que eu dou.

Sucesso a todos!
Deixe seu comentário, dessa forma posso tirar suas duvidas e saber sua opinião.