Quando as portas se fecham o que fazer?!?!

Talvez no momento em que você esteja lendo esta mensagem muitas portas estejam fechadas ou se fechando na sua vida. Problemas financeiros, profissionais, conjugais, etc.

Muitas vezes nos perguntamos a razão de haver escassez em alguns âmbitos de nossas vidas e a tendência é que coloquemos a culpa e a responsabilidade em fatores externos, mas o que deve-se fazer quando as portas se fecham à nossa frente?

Você está indo bem em um projeto (pelo menos você acredita que esteja), de repente você começa a perder terreno, a abundância é trocada pela escassez e todo o castelo que você tinha construído desmorona e não sobra nada. Qual é a sua atitude?

Você pode estar se perguntando em qual aspecto da vida eu estou me referindo e posso lhe dizer tranquilamente que pode ser qualquer um que você deseja, pense naquele que ultimamente tem tirado o seu sono.

Acontece que todo ser humano sonha com algo bem melhor para a sua vida em qualquer aspecto, porém às vezes as ferramentas que você escolheu para lhe levar até onde deseja podem começar a enferrujar e você não consegue pensar em uma solução imediata. É comum pessoas entrarem em pânico quando aquilo que sempre sonhou precisa ser interrompido.

No momento do pânico é mais saudável pensar na solução do que focar no problema, apesar de que talvez não seja uma tarefa fácil tirar o foco do problema entenda que a solução é só o que lhe resta fazer, amplie sua mente.

FOCO NA SOLUÇÃO! Durante muito tempo esta frase soava na minha mente como algo impossível de acontecer, eu me perguntava como eu poderia pensar em solução se o problema é enorme?

Todavia, ao longo de meus estudos e da minha maturidade pessoal e profissional aprendi a fazer algo que talvez muita gente desconheça hoje em dia: VIRAR A CHAVE.

Amandio, o que significa virar a chave? É pensar no que você quer ao invés de pensar no que não quer. Eu vou lhe dar um exemplo:

Pedro (nome fictício) tinha acabado de perder o emprego, motorista de ônibus muito competente foi pego de surpresa quando ele e mais dezenas de outros profissionais foram demitidos pela “crise” que puxou o tapete da empresa que trabalhava.

Desesperado, a primeira coisa que Pedro pensou foi: Onde irei conseguir outro emprego com 52 anos de idade?”. Outro pensamento que veio forte foi: “E agora como irei sustentar minha família?”.

Pedro não dormia direito e deixava estes e outros pensamentos tomarem conta de sua mente lhe tirando a paz.

Eu conhecia Pedro há algum tempo, tive uma conversa informal com ele sobre Coaching e ofereci algumas sessões para ele no intuito de ajudá-lo a virar a chave.

Durante as sessões Pedro aprendeu a focar no que queria, nas suas habilidades, competências, pontos fortes e oportunidades que poderia aproveitar para suprir suas necessidades.

Pedro deu a volta por cima, o inicio foi difícil (como sempre acontece). Ele teve que quebrar as barreiras do medo, da incerteza, da fragilidade.

Hoje Pedro dirige seus próprios veículos (já são 3 vans) que prestam serviços para empresas de turismo e outros segmentos.

O relato que acabei de escrever é verídico, assim como todos os que conto. A moral desta história é que virar a chave requer muito mais do que simplesmente querer e o processo de Coaching pode lhe ajudar e muito.

Assim como a situação de Pedro, você pode mudar a história de sua vida em qualquer aspecto e eu posso te ajudar.

Portanto, se você deseja virar a chave da sua vida e precisa de ajuda, eu quero te fazer um convite.

Eu quero te convidar para uma sessão experimental de Coaching online, acesse http://bit.ly/AJcontato e marque um horário para conversarmos, é um encontro de apenas uma hora e eu terei o maior prazer em atender você.

Eu trabalho com educação há mais de 30 anos e minha missão de vida é melhorar a vida das pessoas e empresas através da multiplicação do conhecimento e realmente eu levo isso muito a sério.

Então se você realmente quiser a minha ajuda clica no link http://bit.ly/AJcontato e marca este encontro comigo venha fazer parte desta história.

Sucesso sempre!

Não existe meio termo, ou é ou não é! Saiba o porquê

Você já viu uma mulher meio grávida? Tenho certeza absoluta que não e sabe por quê? Não existe meios termos na vida, ou você trata de fazer o que deve ser feito ou você irá sofrer algum tipo de consequência.

Eu sou o Master Coach Amandio Junior e este é o artigo da semana.

Infelizmente muitas pessoas vivem em cima do muro para tomar algumas decisões e como saber se elas estão nesta posição? É só prestar atenção no que declaram e suas atitudes.

Algumas frases e palavras são a senha para a indecisão: “talvez”, “não sei”, “quem sabe”, mais ou menos” e uma infinidade de outros termos que colocam as pessoas em cima do muro.

Quando você não parte para uma atitude decisória e fomenta a indecisão você deixa de eliminar algumas coisas e aprender com outras. Fica comigo até o final que eu te conto o que você perde e ganha potencializando a indecisão.

Ter dúvidas é algo que é típico do ser humano, o problema é quando não se faz nada para chegar a uma solução e depois fica se autoflagelando com arrependimentos.

Eu tive uma pessoa como cliente de Coaching que estava em uma dúvida enorme sobre continuar com a empresa que já geria há 5 anos ou trocar para outro segmento. A grande dúvida dela era qual seria o outro segmento a escolher.

Ela contratou sessões de Coaching para poder se definir. A única coisa que ela tinha certeza era de que não queria mais a empresa que possuía.

Ela estava com muitas dúvidas se deveria mudar e também em que mudar. Eu apliquei algumas ferramentas durante a sessão para que ela pudesse primeiramente elencar os segmentos que lhe dava prazer e depois, através de eliminação, os que poderiam lhe proporcionar retorno financeiro.

Através das ferramentas que usei a pessoa conseguiu chegar a um consenso e finalmente descobrir o que realmente gostaria de empreender. A partir daí começou a desenvolver um plano de ação para começar seu mais novo negócio.

Todavia, eu posso dizer com toda a certeza que o grande diferencial para a decisão da pessoa tomou foi entender que ficar na zona do meio não iria ajudar em nada, pelo contrário, o tempo iria passar e cada vez mais a insatisfação de empreender em algo que não a deixava feliz iria aumentar.

O que acabei de relatar é o que acontece em uma sessão de Coaching. Geralmente o/a coachee tem algo em mente que gostaria de realizar, porém não sabe qual caminho tomar e as dúvidas são inúmeras.

Com o direcionamento das sessões você poderá decidir qual o melhor caminho a seguir dentro daquilo que você acredita ser o melhor para você.

Eu quero te convidar para uma sessão grátis de Coaching online, acesse http://bit.ly/AJcontato e marque um horário para conversarmos, é um encontro de apenas uma hora e eu terei o maior prazer em atender você.

Você pode estar se perguntando o porquê de eu estar te oferecendo um encontro de graça, deixa eu te explicar.

Eu trabalho com educação há mais de 30 anos e minha missão de vida é melhorar a vida das pessoas e empresas através da multiplicação do conhecimento e realmente eu levo isso muito a sério.

Portanto, se você realmente quiser a minha ajuda clica no link http://bit.ly/AJcontato e marca este encontro comigo.

Sucesso sempre!

Pare de procrastinar e faça o que tem de ser feito

Ano começando novamente e as promessas de um período de muitas novidades, mudanças, planos, metas, etc. pairando no ar.

Por onde você anda encontra pessoas dizendo que o ano será diferente, que nada será como antes. Eu tenho que concordar que será diferente, afinal de contas passou de 2017 para 2018.

Eu sou o Master Coach Amandio Junior e este é o artigo da semana.

Há uma palavra muito utilizada já algum tempo que se chama procrastinar, você sabe o que ela significa? Etimologicamente, a palavra “procrastinar” se originou a partir do latim procrastinatus, procrastinare, que significa “à frente de amanhã”, na tradução literal.

Em uma tradução mais simples, procrastinar significa adiar, deixar para outra ocasião. É exatamente o que as pessoas procrastinadoras costumam fazer quase que regularmente, deixar para outra ocasião.

O curioso da pessoa que procrastina é que ela tem toda a consciência de tal comportamento, ao contrário de outros maus hábitos como comer em demasiado e ser grosseiro, o procrastinador declara abertamente sua deficiência.

Há solução para o procrastinador? Certamente que sim e eu te convido a ficar comigo até o final deste artigo para saber o que fazer no intuito de tirar este monstro de dentro de você.

Júlio (nome fictício) foi um cliente de Coaching que passou por mim em determinado momento. No inicio das sessões se mostrou muito interessado e disposto a mudar do seu estado atual para o desejado, porém tinha muita dificuldade em sair da teoria para a prática.

Durante as sessões Júlio desenhava todo o seu plano de ação com data e hora, porém eu desde o inicio comecei a perceber que tinha o hábito de chegar atrasado às sessões e algumas vezes até desmarcar alegando algumas situações que dariam perfeitamente para serem organizadas de maneira que não comprometessem seu compromisso semanal comigo.

Este coachee (como é chamada a pessoa que faz Coaching) conseguiu fechar o pacote de 10 sessões com muita dificuldade. Apesar de não desistir de Júlio em nenhum momento, eu até cheguei a pensar que ele iria desistir de uma hora para a outra.

Eu detectei alguns comportamentos que contribuíam para todo o processo procrastinatório de Júlio e passo a dividi-los com você:

  • Falta de disciplina;
  • Insegurança;
  • Falta de foco;
  • Ansiedade;
  • Preguiça;
  • Desinteresse sobre o que pretendia fazer
  • Perda de oportunidades;
  • Desgaste físico e principalmente emocional;
  • Falta de autoconfiança, entre outros.

Você deve estar se perguntando se o Júlio conseguiu se livrar do fantasma da procrastinação, não é mesmo? E a minha resposta é que ele conseguiu sim, porém teve que fazer uma viagem profunda em seu “self” com o intuito de descobrir e redescobrir diversos comportamentos e atitudes, ressignificar alguns, eliminar outros e acrescentar outros mais. Só assim ele obteve sucesso em seu objetivo.

Portanto, a procrastinação pode estar fazendo parte da sua vida neste momento deixando você na zona de (des)conforto, atrasando sua vida em diversos capítulos.

Se você tem metas e não consegue alcançá-las, provavelmente você esteja deixando tudo para depois e sabe quando chegará a hora do ‘depois’ se transformar no ‘agora’? É muito provável que nunca aconteça diante de sua postura perante seus compromissos.

Vamos conversar um pouco mais? Eu posso te ajudar a conquistar seus objetivos. Acesse http://bit.ly/AJcontato e marque uma sessão de Coaching experimental comigo, é um presente meu para você e terei o maior prazer em lhe atender. VEM COMIGO!

Sucesso sempre!