Desconstruindo para construir

Quando criança ouvia frases prontas de pessoas mais velhas que me deixaram com alguns traumas e que tiveram que ser desconstruídos conforme os anos foram passando. Frases prontas como “dinheiro não traz felicidade” ou “é melhor o certo do que o duvidoso” ecoaram em minha mente durante um bom tempo e poderiam ter criado traumas irreparáveis na minha vida. Eu tenho certeza que você já ouviu alguma delas um dia assim como outras.

Para que hoje em dia eu não tivesse que levar o peso desses paradigmas nas costas eu precisei desconstruir todos eles na minha mente e principalmente no meu coração, confesso que não foi fácil, pois tudo foi muito bem instalado para que ficasse até os meus últimos dias, porém valeu muito a pena destruí-los.

Levando este assunto para o tema liderança o processo é exatamente o mesmo, é necessário desconstruir paradigmas para que o líder possa ter mente aberta e sadia com o intuito de levar seus liderados a alcançarem objetivos comuns. Todavia, como fazer para que esta desconstrução seja eficaz? A seguir coloco algumas dicas que considero importantes e que me ajudaram a abrir minha mente:

 

  1. Qual a origem de uma ordem ou tarefa? Argumentos vazios sempre causam dúvidas, é importante que o outro saiba o porquê dele (a) estar realizando o que se foi pedido;
  2. O que estou delegando tem qual objetivo? Onde quero chegar com o que estou demandando? O líder precisa saber exatamente aonde ele quer chegar, qual seu propósito;
  3. Eu acredito no que estou dizendo? Crenças e valores contam muito na vida de um bom líder. Acreditar no que prega é fundamental para alcançar resultados expressivos;
  4. Eu gosto de dividir tarefa ou centralizo as ações? Líder que não gosta de compartilhar informações, nem de dividir tarefas não é líder e sim chefe;
  5. Eu me preocupo com as pessoas ou com o trabalho? Entenda que pessoas insatisfeitas não realizam nenhum tipo de trabalho com eficácia, portanto não é negócio nenhum focar no trabalho ao invés das pessoas.
  6. Eu procuro pessoas com as mesmas características que as minhas? Há uma tendência de alguém que tenha cargo de liderança querer trabalhar com pessoas que tenham as mesmas características ou que sejam bem próximas a elas. Isto pode se caracterizar em um perigo muito grande, pois pessoas muito próximas podem se ocultar de questionamentos e o líder acreditar que esteja tudo sempre muito bem.
  7. Estou disposto a mudar para melhorar? Outro dia conversei com um gerente que iria mudar sua postura porque seu patrão não concordava com a maneira com que geria seus liderados. Eu então fiz a seguinte pergunta para ele: “Você vai fazer isso por você ou pelo seu chefe?” “E se for por você haverá contentamento em fazê-lo?”. Ele ficou calado e não soube me responder. Mudanças precisam acontecer todo o tempo, porém sem agredir sua essência.

banner-do-site amandio junior ebook construindo resultados

O líder eficaz precisa estar livres de paradigmas que lhe criarão paredões e que podem atrapalhar seu estilo de liderança. Para ajudar nesta desconstrução o Coaching auxilia e muito. As sessões vão lhe proporcionar reflexões e consequentemente soluções para poder conduzir sua equipe de maneira altamente eficaz. Pense nisso!

Sucesso a todos!
Deixe seu comentário, dessa forma posso tirar suas duvidas e saber sua opinião.

Comments are closed.