Nos últimos anos houve um crescimento considerável no número de empresas abertas no Brasil, infelizmente assim como abrem fecham em tempo recorde. Dizer que é falta de gestão é algo óbvio e redundante, porém se falarmos mais especificamente, qual é o ponto crucial que faz uma empresa fechar suas portas de maneira tão prematura?

Se você é aquela pessoa que aceitou o desafio de ter seu próprio negócio, eu tenho uma pergunta a lhe fazer: “O sua postura é de dono ou de empregado?” Os dois lados têm particularidades muito fortes: Postura de dono é aquela em que você é o principal e único responsável por tudo o que acontece dentro do seu estabelecimento simplesmente porque tudo o que tem lá foi você quem escolheu; postura de empregado é aquela em que você age como se o negócio não fosse seu, delegando para outras pessoas o que é de sua responsabilidade, tendo “peninha” de pessoas que não querem lhe dar os resultados que nem você muitas vezes sabe quais quer almejar.

Um dos pontos cruciais que falo no início deste artigo causador de tanta falência das empresas no Brasil é a negligência de seus gestores na gestão de pessoas, mas especificamente na liderança exercida. Geralmente há um foco muito forte em vendas, em faturamento, em enriquecer em curto e se possível em curtíssimo prazo e consequentemente um esquecimento enorme no cuidado com as pessoas.

Liderar pessoas não é tarefa fácil, porém de extrema importância para o andamento de qualquer corporação, afinal de contas não há empresa sem pessoas, tanto internamente em forma de funcionários como externamente em forma de clientes.

Eu gostaria que neste momento você se fizesse a seguinte pergunta: “Você exerce a auto liderança?” Auto liderança é a atitude através da qual as pessoas direcionam a si próprias, no sentido de realizar as tarefas e procedimentos necessários para alcançar determinado objetivo.

Na minha experiência em conviver com gestores pelo Brasil eu percebo que há uma falta muito grande de autoconhecimento, falta de preocupação de eles entenderem como agem e se comportam. Então veja como isso resulta em um efeito dominó: eu tenho empresa, tenho pessoas nela, tenho pessoas como clientes, porém não conheço e nem entendo de pessoas porque não procuro primeiramente me conhecer e me entender.

É por isso que algumas pessoas repetem frases clichês como: “eu não nasci para mandar”, “eu era feliz como funcionário e não sabia”, “não entendo o porquê de minha vida profissional não decolar”.

banner-do-site amandio junior ebook construindo resultados

Eu gostaria de lhe dar algumas dicas para que você não fique repetindo estas frases que mencionei há pouco, tampouco mergulhe no sentimento de que você não nasceu para ser líder e sim para ser liderado.

1) Exerça o autoconhecimento. Procure regularmente refletir sobe seus pontos fortes e fracos, perceba o que você pode melhorar e potencializar;

2) Seja realista com você mesmo. Lembre-se, você só pode dar aquilo que tem. Portanto, evite ficar se autoflagelando quando algo não sair do jeito que você quer, ao invés disso procure saber o que pode fazer de diferente para que saia do seu jeito;

3) Saiba onde está e onde quer chegar. Onde você gostaria de estar daqui a 5 anos? O que você tem feito para alcançar o que deseja? Vou aqui expressar uma frase muito repetida no mundo dos negócios proveniente do filme “Alice no País das Maravilhas”: “Se você não sabe aonde quer chegar, qualquer lugar serve”.

4) Tenha mente aberta para aprender. Evite cair no erro de achar que sabe tudo, principalmente quando se trata de autoconhecimento. Se você começar a olhar mais para dentro de si vai perceber que há muito que aprender sobre você mesmo.

5) Busque ajuda. É tolice achar que você não depende de outras pessoas. Se não estiver conseguindo buscar as respostas internas que necessita procure um profissional, faça sessões de Coaching ou até mesmo terapia para que você possa ampliar seu autoconhecimento.

Para você que reside em Belém e região, eu gostaria de lhe fazer um convite. De 28 a 31/08/2017 eu ministrarei o treinamento Formação Leader Coaching. Um evento que vai lhe ensinar como exercer a liderança através do autoconhecimento e com a postura Coaching. Estes são alguns dos assuntos tratados:

– Melhor entendimento do que é Coaching;

– Os benefícios da postura Coaching na relação com o liderado;

– Entenda e pratique o modelo ACTION para liderar;

– Estilos comportamentais e suas influências na equipe (autoconhecimento);

– Feedback;

– Elaboração de metas;

– E muito mais!

Venha participar deste treinamento comigo, eu sou o Master Coach Amandio Junior e quero te ajudar a potencializar o seu estilo de liderança. Acesse este link e faça sua inscrição: https://www.eventbrite.com.br/e/formacao-lider-coach-tickets-36416645166. Estou lhe aguardando.

Sucesso sempre!

Comments are closed.